Eduardo Mello e Matias Spektor escrevem artigo sobre os vícios presidencialismo de coalizão no Brasil
14/12/2017

Os professores Eduardo Mello e Matias Spektor escreveram pra a seção Ilustríssima do jornal Folha de S.Paulo um artigo que trata sobre as lógicas do presidencialismo de coalizão. No artigo, os autores destacam como o sistema político instituído com a Constituição de 1988 contribuiu para a estabilidade política sem precedentes no Brasil — que passou por dois processos de impeachment sem que houvesse ruptura institucional. Apesar disso, argumentam eles, o modelo brasileiro de presidencialismo de coalizão carrega incentivos ao clientelismo, à patronagem e à corrupção endêmica às custas da provisão de bens públicos, como saúde e educação.

Para ler o artigo na íntegra, clique aqui.

Copyright © 2020 CPDOC

Portal FGVENG

Escolas FGV

Acompanhe na rede