Centro de Relações Internacionais lança artigos sobre a ordem global nuclear
05/08/2015

Na ocasião dos 70 anos do bombardeio nuclear no Japão, o Centro de Relações Internacionais da FGV, sediado no CPDOC, apresenta dois artigos sobre o Brasil e a ordem global nuclear.

 

Em “Achieving nuclear zero: Brazil’s contribution to the international efforts against nuclear weapons”, a doutoranda do CPDOC e colaboradora do Centro de Relações Internacionais Renata Dalaqua examina a contribuição do Brasil nas áreas de não-proliferação e desarmamento nuclear, destacando o compromisso do país com a utilização pacífica da tecnologia nuclear. Dalaqua argumenta que essa posição brasileira pode ser fortalecida, com a escolha de urânio levemente enriquecido e a aplicação de salvaguardas no ciclo do combustível do futuro submarino nuclear, além do engajamento do país na iniciativa recente que enfatiza a dimensão humanitária da ameaça nuclear.

 

Em “The role of Non-Nuclear Weapon States in breaking the disarmament deadlock: Policy recommendations from a Brazilian perspective”, a pesquisadora aborda os principais impasses que caracterizam a ordem nuclear atual sob a ótica dos países que não possuem armamento nuclear. Dalaqua então propõe quatro caminhos a serem trilhados pelos países que, como o Brasil, desejam revitalizar os esforços rumo ao desarmamento nuclear. Entre as recomendações, a autora afirma que é importante fortalecer o Tratado de Não-proliferação Nuclear (TNP) e, ao mesmo tempo, buscar outros instrumentos legais voltados para a proibição das armas nucleares.

Copyright © 2020 CPDOC

Portal FGVENG

Escolas FGV

Acompanhe na rede