Luiz Felipe Lampreia

Sigla: LFL

Dados Biográficos

Titular: Luiz Felipe Palmeira Lampreia

Filiação: João Gracie Lampreia e Maria Carolina Palmeira Lampreia

Nascimento: 19/10/1941, Rio de Janeiro, RIO DE JANEIRO, Brasil

Cônjuge: Lenir Aché Lampreia

Formação Acadêmica

  • Ensino Superior (graduação), Sociologia, Pontifícia Universidade Católica-PUC (RJ), Rio de Janeiro, 1962

Principais Atividades

  • Membro, Assembléia Geral da ONU, 24ª1969,1969
  • Assessor, Ministério das Relações Exteriores1974,1976
  • Membro de delegação, Fundo Monetário Internacional1979,1979
  • Membro de delegação, Banco Mundial1980,1980
  • Delegado, Banco Interamericano de Desenvolvimento1980,1980
  • Embaixador, Embaixada do Brasil no Suriname1983,
  • Chefe, Acordo Geral sobre Tarifas e Comércio - GATT (ONU) 1986,1994
  • Embaixador, Embaixada do Brasil em Portugal1990,
  • Secretário-geral, Ministério das Relações Exteriores1992,1993
  • Ministro de Estado, Ministério das Relações Exteriores1995,2001

Outras Atividades

Ingressou no Instituto Rio Branco em 1962; nomeado terceiro-secretário em 7/11/1963, atuou como auxiliar do chefe da Divisão da Política Comercial (1963-1964) e como auxiliar do chefe de Produtos de Base (1963-1964); promovido a segundo-secretário (1966); prestou serviço junto à Organização das Nações Unidas (ONU) (1966-1968); tomou parte da II United Nations Conference on Trade and Development (UNCTAD), em Nova Déli (1968); serviu junto à delegação permanente em Genebra (1968-1971); foi delegado na Reunião do Comitê sobre restrições à Importação por Razões de Balanço de Pagamentos (1971); atuou como auxiliar do secretário-geral-adjunto para Organismos Internacionais e auxiliar do chefe do Departamento Econômico (1972); nomeado primeiro-secretário por merecimento (1973); participou da comitiva do ministro das Relações Exteriores na visita oficial à Alemanha, por ocasião da assinatura do Acordo de Cooperação Nuclear (1975); promovido a conselheiro por merecimento (1975); foi chefe da Secretaria de Informação do gabinete do ministro (1977-1979); participou da comitiva do ministro das Relações Exteriores às Assembléias Gerais da ONU (1974 e 1978); nomeado ministro de segunda classe em 12/06/1978; nomeado ministro de primeira classe por merecimento em 1984; participou como governador alterno temporário pelo Brasil, nas assembléias anuais do FMI e do Banco Mundial em Seul (1985) e em Washington (1986); foi governador alterno temporário da assembléia anual do BID, em São José da Costa Rica (1986); atuou como secretário de Cooperação Internacional da Secretaria de Planejamento da Presidência da República (1985-1987) e como subsecretário de Assuntos Políticos Bilaterais (1988-1990); serviu como embaixador do Brasil junto a organismos internacionais em Genebra (1993-1994).

Documentos Textuais

  • Manuscritos - 7287

Documentos Impressos

  • Livros - 11
  • Periódicos - 35
  • Exemplares de Periódicos - 51
  • Artigos de Periódicos - 48

Documentos Audiovisuais


  • Iconografia
    • álbum fotográfico - 377
    • charge - 3
    • foto - 332
    • negativo - 1

Histórico

Os documentos foram entregues ao Cpdoc, pelo titular, em 2008, em pastas e fichários. Após higienizados e devidamente acondicionados, foram tratados e descritos, e as informações inseridas no sistema Accessus.

Análise da Documentação

O arquivo Luiz Felipe Lampreia compreende documentação textual e audiovisual, destacando-se sua atuação como ministro das Relações Exteriores dos dois períodos de governo Fernando Henrique Cardoso - 1995 a 1999 e 1999 a 2002. A documentação textual é constituida por documentos comprobatórios, correspondência particular e oficial, agendas de trabalho, estudos, análises, discursos, exposições de motivos entre outros. Entre seus correspondentes destaca-se o presidente Fernando Henrique, e é expressiva a correspondência com diplomatas e políticos brasileiros e estrangeiros. Entre temas relevantes podem-se ressaltar as relações do Brasil com diversos países, em especial os integrantes Mercosul e da União Europeia, o Tratado de Não-proliferação de Armas Nucleares, a ALCA - Área de Livre Comércio das Américas, a Organização das Naçõs Unidas (ONU) e a Organização dos Estados Americanos (OEA), entre outros. Os documentos foram divididos nas séries Documentação Pessoal, Ministério das Relações Exteriores I, Ministério das Relações Exteriores II, Produção Intelectual.