Crise na Europa: momento de debate aberto ao público
Universidade Católica de Petrópolis - 19/04/2013 - 18:00 - 20:00

O século XXI trouxe mudanças significativas na percepção europeia sobre o sistema internacional, da ordem global e de seu próprio futuro. O tema é abrangente e ultrapassa o interesse apenas dos alunos de Relações Internacionais para chegar ao público leigo, ávido por conhecer estes aspectos da história mundial mais recente. Na noite de sexta, dia 19/04, uma sala lotada e motivada da Universidade Católica de Petrópolis ouviu atenta às informações mais atuais trazidas pelo palestrante Daniel Edler Duarte, com a palestra “Múltiplas Faces da Crise na Visão Europeia – Economia, Política e Sociedade”.

Fellow na área de estudos europeus do Centro de Relações Internacionais da Fundação Getulio Vargas, o jovem Daniel desenvolve pesquisas nas áreas de Política e Segurança Internacional, Imigração e União Europeia. O professor tem mestrado em Relações Internacionais pelo IRI/PUC-Rio, instituição em que também fez sua graduação. Ele explicou como a crise europeia transformou a percepção sobre o modelo europeu de integração, em seus mais variados estágios. Apontou para a importância da Alemanha e os erros de interpretação que tem sido divulgados na mídia. Apresentou vários dados recentes sobre a Crise na Zona do Euro e fez uma análise para os principais atores da crise, assim como uma projeção sobre o que ocorrerá com esta crise. Para quem assistiu à palestra, ficou a curiosidade de aprofundar o assunto, o que vai ser garantido com a proximidade do pesquisador com a UCP: em agosto, ele passará a fazer parte do corpo docente da Instituição, com aulas no curso de Relações Internacionais, de acordo com a coordenadora do curso, professora Vanessa Santos.

Daniel é membro do grupo de pesquisa da UCP "NEPO - Núcleo de Estudos sobre Pobreza, Desigualdade, Justiça Distributiva e Desenvolvimento", onde atua juntamente com a professora Vanessa na linha de pesquisa "Justiça distributiva e estado democrático". Além deste grupo, o professor também atua nos seguintes grupos de pesquisa: “Transformações Globais e Potências Emergentes” e “A União Europeia em um Mundo em Transformação: O Futuro das Relações Brasil-UE”, ambos financiados pelo CNPq. Trabalhou como colaborador e coordenador de Projetos Internacionais na Fundação Konrad Adenauer (KAS), onde foi responsável por diversas publicações no campo das relações Brasil-Europa.

Texto parcialmente reproduzido do site da Universidade Católica de Petrópolis.

 

Copyright © 2021 CPDOC

Portal FGVENG

Escolas FGV

Acompanhe na rede

Nosso website coleta informações do seu dispositivo e da sua navegação por meio de cookies para permitir funcionalidades como: melhorar o funcionamento técnico das páginas, mensurar a audiência do website e oferecer produtos e serviços relevantes por meio de anúncios personalizados. Para saber mais sobre as informações e cookies que coletamos, acesse a nossa Política de Cookies e a nossa Política de Privacidade.